WhatsApp fica instável no último dia do ano, relatam usuários

Usuários do WhatsApp reclamam na tarde desta quinta-feira (31) que o serviço apresenta instabilidade. No Twitter, diversas postagens relatam que não é possível utilizar o aplicativo.

Na tarde desta quinta, o assunto "meu WhatsApp" estava entre os assuntos mais comentados do Brasil no Twitter. No mundo, a hashtag #WhatsApp também estava entre os Trending Topics do microblog.

"Entrar no Twitter me consolou em saber que meu WhatsApp não foi o único que parou de pegar", disse uma internauta. "Whatsapp parou de funcionar, isso é 2015 mostrando que ainda pode ferrar com a gente mesmo nas últimas horas do ano", disse outro. Outros usuários relatam que o serviço havia caído, mas voltou a funcionar em seguida.

Há também relatos de instabilidade do aplicativo em outros países. Na Índia, um porta-voz do  WhatsApp disse à agência Reuters: "algumas pessoas tiveram problemas acessando o WhatsApp por um curto período mais cedo hoje".

No Twitter, também é possível encontrar reclamações de usuários de outros países. "Alguém mais tendo problemas com o WhatsApp?", escreveu uma internauta da Escócia. Outro internauta respondeu a ela que "o WhatsApp caiu".

"E eu pensei que era a única que estava tendo problemas com o WhatsApp", postou outra da Malásia. "Alguém mais está tendo problemas para acessar seu WhatsApp?", perguntou uma internauta do Reino Unido.

Bloqueio no Brasil

Neste mês, o WhatsApp ficou bloqueado para usuários no Brasil por algumas horas após uma decisão judicial. No dia 16 de dezembro, as principais operadoras de telefonia móvel do Brasil foram intimadas pela Justiça a bloquear o WhatsApp em todo o território nacional por 48 horas. O bloqueio começou a valer à 0h do dia 17.

Contudo, o WhatsApp voltou a funcionar no início da tarde do dia 17, depois de o Tribunal de Justiça de São Paulo ter concedido liminar para que as operadoras deixassem de bloquear o acesso ao aplicativo.

A Justiça em São Bernardo do Campo, no ABC paulista, havia determinado a derrubada do WhatsApp por 48 horas por causa da investigação de uma quadrilha de roubo a banco e caixas eletrônicos, de acordo com o SPTV.

Segundo o SPTV, a determinação judicial foi uma punição ao Facebook, dono do WhatsApp, que não liberou mensagens usadas pelos criminosos no aplicativo para a investigação policial. A quadrilha é investigada há dois meses.

Como o WhatsApp não se manifestou, a multa já estaria em R$ 6 milhões, de acordo com o SPTV. Diante disso, a polícia e o Ministério Público (MP) pediram a interrupção do serviço à Justiça, que concordou.

Essa não foi a primeira tentativa de bloquear o WhatsApp no país. Em fevereiro, um juiz de Teresina (PI) determinou que as operadoras suspendessem temporariamente o acesso ao app de mensagens.

O motivo seria uma recusa do WhatsApp em fornecer informações para uma investigação policial que vinha desde 2013.

Compartilhar no Google Plus

0 comentários:

Postar um comentário