Secretaria de Saúde do RN registra primeira morte causada por zika vírus



A Secretaria de Saúde Pública do Rio Grande do Norte (Sesap) registrou o primeiro óbito causado pelo zika vírus no estado. A informação foi confirmada pela própria Sesap nesta terça-feira (26), mas detalhes sobre a morte só serão divulgados em entrevista coletiva marcada para esta quarta-feira (27).

No dia 12 de janeiro, a Sesap confirmou a associação entre o zika vírus com a microcefalia em quatro casos no Rio Grande do Norte. Os quatro casos são relativos a dois abortos e dois recém-nascidos falecidos com poucas horas de vida. Todos foram positivos para zika vírus usando PCR, e as amostras do cérebro dos dois recém-nascidos submetidas à análise imunohistoquímica foram positivas. Ambos apresentavam microcefalia e outras malformações.

Ainda de acordo com a Sesap, o Rio Grande do Norte notificou, até o dia 13 de janeiro, 181 casos de microcefalia, suspeitos de estarem relacionados ao zika vírus.
Compartilhar no Google Plus

3 comentários:

  1. Uma criança nascida, que ja esteja tipo com uns 4 meses tem risco de pegar o vírus zika? E se tem qual o risco que corre?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tem casos de crianças com mais de 2 anos, sendo contaminada pelo vírus.

      Excluir
  2. Uma criança nascida, que ja esteja tipo com uns 4 meses tem risco de pegar o vírus zika? E se tem qual o risco que corre?

    ResponderExcluir