Teatro fechado há quase oito anos em Mossoró, serve como hotel para moradores de rua



Teatro fechado para reforma a 4 anos, é um hotel para moradores de rua hoje (Fotos: César Filho/Mossoró Notícias)
O teatro que já foi um celeiro de novos artistas, hoje é apenas um prédio abandonado em nossa cidade. Uma obra que tinha como previsão 10 meses, já está próximo de completar 4 anos.

Como tudo começou...


Rosalba assinou o decreto da reforma em 2012
No dia (10), de setembro de 2012, a então governadora do Rio Grande do Norte, Rosalba Ciarlini, assinou a ordem de serviço para restauração do Teatro Lauro Monte Filho, junto com a prefeita de Mossoró no ano, Fafá Rosado. 

A obra que custou aos cofres do estado um valor de 2,4 milhões de reais apenas começou, mas não teve fim. 

Para a reforma do Teatro Lauro Monte Filho, a então secretária de infraestrutura, Kátia Pinto, explicou que a obra previa toda a iluminação cênica e de palco, sistema de climatização, acessibilidade, rota de fuga e saída de emergência, acesso com elevador para os camarins, mudanças de cadeiras, reestruturação dos banheiros, construção de um café cultural no piso superior, e proteção para evitar o acesso de pombos ao interior do teatro, entre outros itens. 


Como seria o Teatro Lauro Monte Filho após a reforma (Foto: Divulgação)
Na época a  governadora entregou o contrato para o empresário Claudio Escóssia, da empresa responsável pela obra, e pediu que a reforma começasse no outro dia, no caso no dia (11) de setembro.

A empresa mossoroense A&C Construções, vencedora da licitação. tinha uma previsão de conclusão dentro de 10 meses a obra. Fato que já dura quase 4 anos.

...como tudo terminou. 

Hoje, o Teatro Lauro Monte Filho, está fechado a quase 8 anos, quatro que ficou fechado por não ter condições de realizar espetáculos, e mais quatro após o inicio da reforma. 

Eu como blogueiro, a quase 2 anos, sempre vinha acompanhando o decorrer do teatro, mas dessa vez resolvi mostrar o verdadeiro teatro e o que a população não ver. 

A equipe do Mossoró Notícias, foi até o teatro e registou algumas imagens dentro e fora. Hoje o teatro está completamente abandonado, e serve apenas como "Hotel" para alguns flanelinhas do centro da cidade.

Além de hotel, o teatro é um verdadeiro banheiro a céu aberto. Um descaso a cultura Mossoroense. O teatro não tem piso, não tem forro, não tem reboco, não tem nada, é apenas um prédio abandonado.

Quantos anos a mais a população terá que esperá por uma simples reforma?

Prefeitura de Mossoró

Mandamos um email na manhã de ontem (14), para comunicação da prefeitura mas não recebemos retorno até o fechamento da matéria. 

Fundação José Augusto

A reportagem do Mossoró Notícias entrou em contato com a Fundação José Augusto, que esclareceu que a empresa mossoroense que ganhou a licitação e iniciou as obras. Parou meses depois por falta de pagamento deixando o teatro na situação de abandono que redundou no quadro atual.

De acordo com a direção geral da Fundação José Augusto, todas as providências estão sendo tomadas para a retomada das obras e o Governador Robinson Faria já autorizou junto ao RN-Sustentável, 2,5 milhões de reais para recuperar o Teatro Lauro Monte Filho.

 A direção informou que a reforma seja licitada precisa ser vencidas negociações e barreiras burocráticas. Com vistas à superação destas dificuldades, o Gabinete Civil do Governo Robinson Faria e a Fundação José Augusto estão convocando todas as secretarias e demais órgãos envolvidos nestes três processos para uma reunião na próxima terça-feira, (19), às 15 horas, na Governadoria para a agilização de todas as providências restantes.

No que se refere ao caso específico do Teatro Lauro Monte Filho, de Mossoró, necessário se faz salientar que o maior entrave estava sendo uma dívida de 400.000,00 (quatrocentos mil reais) do governo anterior que levou a empresa ganhadora da licitação de 2,4 milhões a suspender as obras e deixar o teatro na situação em que ele se encontra hoje. E que esta dívida acaba de ser negociada, viabilizando a concretização do DISTRATO, sem o qual estamos legalmente impossibilitados de licitar novamente a obra, mesmo tendo o recurso de 2,5 milhões de reais disponibilizados pelo governador.

Confira algumas fotos de como está o Teatro Lauro Monte Filho hoje. 










Por Caio Vale/Mossoró Notícias

Compartilhar no Google Plus

0 comentários:

Postar um comentário