Guardas Civis Municipais aprovam indicativo de greve para a próxima segunda-feira


Os Guardas Civis Municipais (GCMs) aprovaram indicativo de greve para a próxima segunda-feira, 14. Até lá, explica o diretor regional do Sindicato dos Guardas Municipais do RN (Sindguarda/RN), Rillen Rocha, a categoria irá tentar negociar com a Prefeitura Municipal de Mossoró (PMM) o atendimento de pautas como a revisão do adicional noturno e discussão sobre a intrajornada.

“Consideramos uma falta de respeito a Prefeitura ter cortado a intra jornada sem discutir isso na mesa criada para esse tema. Também pleiteamos a revisão do adicional noturno. Nós já temos acumulado perdas há um ano e três meses devido à falta de reajuste deste adicional”, disse Rillen Rocha.

O diretor denuncia ainda deficiências estruturais nos postos de atendimento da GCM, que são limpas através de “vaquinha” dos guardas para a compra de material de limpeza. Outro problema é a redução na quantidade de viaturas disponíveis para o patrulhamento. Ele conta que, atualmente, há apenas quatro viaturas disponíveis para o trabalho da Guarda em Mossoró.

O secretária municipal de Segurança Pública, Defesa Civil, Mobilidade Urbana e Trânsito, Alvibá Gomes, afirma que o corte da intrajornada foi feito conforme o que determina a lei. Já em relação ao adicional noturno, o secretário informa que o bônus foi reajustado, mas não pode ser pago seguindo o novo valor no mês de fevereiro devido às dificuldades financeiras do município.

“O novo adicional será pago em março com retroativo a fevereiro. Já os materiais de limpeza e manutenção dos postos da GCM estão sendo providenciados após a abertura do orçamento anual da Prefeitura. Também por causa dos problemas financeiros, a Guarda está passando por adaptação e os carros tipo 4 x 4, mais caros, estão sendo trocados por outros menores, de menor custo”, declara o secretário.

Fonte: O Mossoroense
Compartilhar no Google Plus

0 comentários:

Postar um comentário