Ufersa, Uern e IFRN irão apresentar propostas de gestão aos candidatos à Prefeitura de Mossoró

Universidades irão apresentar propostas de gestão aos candidatos (Foto: Divulgação) 
Os reitores da Universidade Federal Rural do Semi-Árido (Ufersa) e da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (Uern), os professores José de Arimatea e Pedro Fernandes, respectivamente, se reuniram na Sala dos Conselhos da Ufersa com professores e técnicos das duas instituições e também do IFRN – Campus Mossoró – para definir a programação do Seminário Pensando a Cidade. O evento tem o objetivo de apresentar aos candidatos à Prefeitura de Mossoró propostas de gestão em diferentes áreas.

No encontro ficou definido que o Seminário irá abordar 8 temas: Saúde; Educação, Esporte, Cultura e Lazer; Desenvolvimento Econômico e Políticas Públicas; Segurança Pública e Mobilidade; Meio Ambiente e Sustentabilidade; Infraestrutura Urbana e Habitação; Orçamento e Gestão e Inclusão Digital e Cidades Inteligentes.

O Seminário é uma iniciativa do Fórum das Instituições de Ensino Superior Públicas do Rio Grande do Norte. Nele, os professores dentro das respectivas áreas irão apresentar as propostas aos candidatos como forma de contribuir para o desenvolvimento da cidade de Mossoró.

“Com o Seminário, mostramos a capacidade de diálogo entre as instituições em favor da cidade”, destacou o Reitor da Uern, Pedro Fernandes.

As apresentações foram marcadas para acontecer na manhã do dia 13 de setembro no Auditório da Faculdade de Medicina da Uern. Os professores organizaram e definiram que cada tema será explanado num tempo máximo de até 30 minutos.

No final do evento, serão entregues aos candidatos que comparecerem um documento com os apontamentos apresentados. O material também ficará disponível nas páginas oficiais das Universidades. Os convites serão entregues às coordenações de campanha dos 5 candidatos já na segunda-feira, dia 29.

“É uma forma da própria população ficar acompanhando e cobrando da gestão municipal as ações e as melhorias para a cidade a partir do documento criado pelas instituições”, afirmou o reitor da Ufersa.
Compartilhar no Google Plus

0 comentários:

Postar um comentário