Tiro no ouvido mata jovem no RN; polícia suspeita de disparo acidental

Uma jovem de 18 anos foi morta com um tiro no ouvido no início da tarde desta sexta-feira (14), em Caraúbas, no Oeste potiguar. De acordo com a Polícia Civil, a jovem estava na casa de um primo, no bairro Leandro Bezerra, quando foi atingida pelo disparo. A polícia suspeita que o disparo tenha sido acidental.

De acordo com o chefe de investigação da delegacia de Caraúbas, Alysson Godeiro, a vítima foi identificada como Raysla da Silva Costa. O fato aconteceu por volta do meio-dia. Além de Raysla, um casal de adolescentes estava na casa no momento do crime. Os dois fugiram com a arma.

Segundo Godeiro, os depoimentos iniciais indicam que a jovem e os adolescentes estavam em um dos cômodos da casa, manuseando uma arma. Ainda de acordo com Godeiro, de acordo com o relato da mãe do adolescente, o tiro teria sido acidental.

"As conclusões não podem ser tomadas a partir de agora, uma vez que o casal fugiu do local com a arma. Mas a versão que colhemos até agora é que teria sido acidental. O Itep Instituto Técnico de Perícia) está no caso e as perícias realizadas vão esclarecer melhor as condições em que esse homicídio aconteceu", disse o chefe de investigação.

Ainda de acordo com Godeiro, o primo da jovem, um adolescente de 15 anos, já foi apreendido pela polícia por atos infracionais análogos aos crimes de furto e tentativa de homicídio. A adolescente, que também estava da cena do crime, tem 14 anos. Até o momento, o caso está sendo tratado como homicídio culposo - quando não há a intenção de matar.
Compartilhar no Google Plus

0 comentários:

Postar um comentário